Massagem desportiva dá força às passadas dos atletas

Quando realizado de forma correta, procedimento pode evitar lesões e ajudar na performance

A fisioterapeuta Luciana Vinagre aplica a técnica de massagem desportiva no corredor Rodrigo Xavier

 

Muitos corredores pensam que só vale fazer massagem após uma prova para relaxar, mas estão enganados. A rotina de massagem desportiva pré-prova é capaz de evitar lesões e ajudar na performance. A prática pode ser realizada uma vez na semana, a cada 15 dias ou em momentos pontuais. Contudo, a última sessão deve acontecer até 48 horas antes da competição.

A massagem desportiva ajuda a minimizar o desgaste muscular, reduzir os espasmos musculares e a potencializar a flexibilidade e a amplitude dos movimentos. “A última sessão tem de ser feita no máximo 48 horas antes da prova, justamente porque a técnica deixa a musculatura solta e relaxada”, comentou a fisioterapeuta Luciana Mendes Vinagre, da Essencial Clinic Campinas (ECC). A sessão de massagem dura de 45 minutos a 1 hora e deve ser realizada por um profissional habilitado, como fisioterapeuta ou técnico em massoterapia.

“Tem uma pressão específica no sentido da fibra muscular, velocidade adequada nos movimentos e, portanto, é uma técnica que exige um profissional habilitado. A massagem desportiva muitas vezes pode não ser prazerosa por ter como objetivo soltar a musculatura. Contudo, os corredores saem da sessão relaxados e dizendo que estão com a musculatura pronta para encarar a prova ou o treino”, comentou Luciana. O valor das sessões de massagem desportiva varia de R$ 60 a 80.

MASSAGEM RÁPIDA

Em várias provas há tendas de massagem e muitas oferecem uma sessão antes da largada. Neste caso, em dia de competição, o profissional faz apenas a ativação da fibra muscular. Além disso, o trabalho não pode ultrapassar 15 minutos e deve acontecer até 30 minutos antes da largada. Nem a massagem rápida antes da largada e nem a sessão completa de massagem desportiva, que pode integrar a rotina de preparação, substituem o alongamento.

 

Matéria publicada no Jornal Correio Popular de Campinas em 20/02/2013

Fonte: http://planetaesporte.correio.com.br

19/02/2013 - 21h28 | Renata Rondini

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Foto: Leandro Ferreira/AAN